Receita Fácil Passo a Passo de Chá de Poejo + Lista de Benefícios

Publicidade

Conhecido por ser um tratamento natural para alguns problemas respiratórios, o poejo é uma ótima opção para quem não é muito fã de remédios. Além de servir para tratar complicações respiratórias, o chá de poejo também age em diversas partes do corpo, sendo uma planta que trás muitos benefícios a saúde. Vamos conhecer um pouco mais sobre esta planta?

Pode parecer, mas o poejo não é uma descoberta recente. Essa planta era utilizada há vários séculos em todo o Mediterrâneo e na Ásia Ocidental para combater, além de problemas respiratórios, problemas digestivos, já que suas folhas contêm substâncias que auxiliam na redução da acidez do estômago, ajudando a combater a azia e melhorando a digestão.

Propriedades para a Saúde

O chá de poejo é um grande aliado das mulheres, pois auxilia no alívio das cólicas menstruais. Ele também ajuda a combater a insônia e reduzir os sintomas da ansiedade. Se você tem problemas para ir ao banheiro, este chá também ajuda. A planta também possui propriedades:

  • Digestivas: ajuda o metabolismo a trabalhar, acelerando a digestão e evitando inchaços e azia;
  • Vermífuga: Serve como um remédio para combater vermes do corpo, assim evitando problemas futuros;
  • Calmante: Ajuda a relaxar o corpo e garante uma noite de sono mais tranquila;
  • Expectorante: Ajuda a limpar os pulmões.

Outro jeito bacana de usar o poejo é através de compressas; elas ajudam a diminuir dores de reumatismo e também age como repelente natural, protegendo você e animais domésticos de moscas, pulgas e insetos. Algumas doenças podem ser tratadas pelo chá de poejo (claro que você também deve procurar um médico, ok?):

Para tratar diferentes doenças e aproveitar todas as propriedades de chá, temos algumas receitas especiais. Vamos conhecer:

Tratamento para gases intestinais: pegue uma colher de chá de poejo (fresco ou seco; vai da sua preferência) e coloque no fundo de uma xícara. Em seguida, despeja água fervente e abafe por dez minutos e depois coe. Tome o chá antes de dormir (só tome cuidado para os gases não escaparem com alguém perto haha). Outra opção também é você tomar um pouco antes das refeições; vai auxiliar na digestão.

Receita Passo a Passo

Ingredientes:

  • 1 colher de chá de folhas de poejo;
  • 1 colher de chá de hortelã;
  • 1 xícara de chá de água.

Coloque as folhas de poejo picadas e as de hortelã no fundo de uma xícara. Despeje água fervente e abafe por dez minutos. Após coar, você pode adicionar mel e beber. Recomendamos que você beba antes de dormir.

Além de um poderoso remédio caseiro, o poejo também ajuda com o ambiente de casa. Com as folhas você pode preparar sachês e colocar nos armários e ambientes da casa. Basta pegar algumas folhas secas e colocar em pequenos pedaços de pano fino; amarre e coloque onde desejar. O poejo é conhecido por ser semelhante a hortelã, portanto seu cheiro é bem parecido. O sachê ajuda a afastar insetos e acabar com o mofo.

Esta planta também é companheira dos amigos peludos. A receita não é muito diferente; faça o chá normalmente e deixe esfriar bastante. Passe no pelo dos bichinhos deixe secar e dê adeus às pulgas; fora que o cheirinho vai ficar divino.

Apesar de ser natural, isso não quer dizer que o chá de poejo possa ser consumido em excesso. Em sua composição ele possui uma substância chamada pulegona, que às vezes é considerada tóxica se consumida em grande quantidade. Outra substância encontrada no poejo é o borneol, que não deve ser consumido por gestantes nos primeiros meses de gravidez, pois pode afetar a formação do feto e até mesmo causar um aborto. Em todo caso, é recomendado que um médico indique a quantidade correta de tomar e se realmente é necessário; algumas vezes o natural pode não resolver e é o caso de um tratamento mais sério.

A planta também atua fora do corpo. É possível usá-la para preparar banhos ou aplicações para higienizar ferimentos, assim auxiliando na cicatrização e evitando infecções.

É sempre muito importante lembrar-se de consultar um médico antes de fazer qualquer tipo de tratamento, mesmo que seja natural. Por mais que a solução venha da natureza, nem sempre é a melhor ou mais adequada para o momento. Muitas vezes o problema exige um tratamento mais intenso ou o consumo excessivo pode piorar o problema ou até mesmo fazer com que surjam novos problemas.

Outro benefício deste chá é que ele possui ação colerética, ou seja, ajuda a estimular o funcionamento do fígado para aumentar a segregação da bílis, o que beneficia o tratamento de infecções no aparelho digestivo.

Você gostou desta receita? Como você prepara os seus chás? Compartilhe abaixo!

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe!

Seus amigos vão adorar! :)