Como Fazer Chás de Tanchagem (Receita) + Propriedades e Benefícios!

Publicidade

Conheça tudo o que você deve saber sobre o chá de tanchagem

A tanchagem também é conhecida como orelha de veado e é uma planta de origem europeia. Porém, ela se adaptou bem ao clima tropical do Brasil e, hoje, cresce com facilidade em diversas partes do país. Apesar de parecer uma planta qualquer, ela é, na verdade, cheia de propriedades. Os benefícios são tantos que já há estudos para dimensionar o quanto essa planta pode ajudar na saúde em diversos casos.

Nesse sentido, uma das melhores formas de conseguir aproveitar todas as suas propriedades é fazendo o chá de tanchagem. Pensando nisso, veja a seguir tudo sobre a bebida e aprenda a aproveitá-la ao máximo.

Quais são os benefícios do chá de tanchagem?

Embora não seja tão conhecido, o chá de tanchagem é especialmente útil para muitos problemas de saúde. Como cresce em abundância no Brasil, ele é utilizado com frequência por quem entende dos remédios oferecidos pela natureza.

Entre as propriedades mais comuns, estão:

Ajuda no combate a inflamações diversas

Como tem propriedades anti-inflamatórias muito importantes, esse chá é capaz de reduzir ou mesmo eliminar completamente inflamações em diversas áreas do corpo. Para esse fim, ele pode ser usado, inclusive, de maneira tópica, como para cuidar de abscesso e machucados na pele.

O mais comum é que as inflamações em tecidos sejam contidas, mas também pode ajudar a diminuir o inchaço de certos músculos devido às suas propriedades levemente sedativas.

Favorece a cicatrização

O chá de tanchagem também tem propriedades cicatrizantes. Ele ajuda as plaquetas a chegarem mais facilmente na área de feridas, de modo a facilitar o processo de fechamento dessas lesões.

Como ele melhora e favorece a circulação, portanto, ele cura problemas menores como aftas e abscessos bucais, mas também colabora para machucados externos.

Especialmente para quem é diabético, essa é uma propriedade importante. Quem tem problema de coagulação normalmente encara problemas mais graves mesmo com feridas que pareçam de menor importância.

Diminui a gravidade de problemas respiratórios

O fato de ajudar a circulação e de ter propriedades anti-inflamatórias contribui para que essa bebida ajude no tratamento de problemas respiratórios. Ele ajuda a desinflamar o sistema respiratório, facilitando a respiração e diminuindo sintomas.

Além disso, também tem ação expectorante, de modo que seja mais fácil acabar com a tosse e com o muco que normalmente se acumula. O tratamento adequado associado a esse chá é capaz de diminuir os efeitos de crises respiratórias e de curá-las de maneira mais rápida.

Combate problemas estomacais e hepáticos

Novamente, as propriedades anti-inflamatórias são importantes para o sistema digestivo como um todo. Inflamações do estômago, como estomatites, são mais facilmente curadas com essa bebida.

Úlceras, por sua vez, têm o processo de cicatrização acelerado, diminuindo o incômodo que causam.

O fígado é outro favorecido pela bebida. Com o uso regular e associado a outro tratamento, infecções hepáticas são mais facilmente combatidas, levando a um funcionamento mais adequado do organismo.

Tem propriedades diuréticas e laxantes

No geral, essa bebida é uma ótima forma de eliminar as toxinas do organismo. Como tem propriedade diurética, ajuda no funcionamento dos rins e limpa mais facilmente todas as toxinas acumuladas e não filtradas do corpo.

Além disso, ela tem efeito depurativo, de modo a garantir que o corpo funcione de maneira otimizada e longe dos restos de processos metabólicos.

De quebra, suas sementes têm efeitos laxativos. Para quem tem problemas de intestino, por exemplo, pode ser uma boa forma de combater a constipação, assim como a sensação de abdômen inchado.

Também colabora para conter a diarreia

Ao mesmo tempo, a bebida também pode ter propriedades antidiarréicas. Quando suas folhas são utilizadas na preparação, elas ajudam a combater os principais sintomas da diarreia. Isso é muito importante para que não haja a desidratação do organismo e também para evitar a perda intensa de sais minerais.

Embora seja necessário consultar um médico em casos extremos de diarreia, a bebida serve para apaziguar os sintomas quando o problema não é causado por algo grave.

Pode ajudar na picada de insetos e répteis

Outro uso muito comum para essa bebida é no tratamento de picadas de insetos e répteis. As picadas de abelha e de cobras são as mais comuns a serem tratadas, porque são as que incham mais e que trazem mais dificuldade para quem sofre com o problema.

Porém, é importante ter em mente que essa bebida é apenas um profilático, não sendo um tratamento eficaz e muito menos um antídoto.

Quem for picado por um animal do tipo precisa recorrer a uma unidade de saúde próxima para receber auxílio. Na presença do chá, entretanto, ele pode ajudar a conter a inflamação.

Como preparar esse chá?

Para preparar esse chá, você vai precisar de duas colheres de sopa dessa erva e de um litro de água. Misture os dois ingredientes em uma panela e deixe que ela ferva. Assim que as bolhas começarem a surgir com mais intensidade, desligue o fogo e tampe o recipiente.

Deixe que a solução fique abafada por cerca de 10 minutos. Na sequência, coe e beba, de preferência com o chá ainda morno. O ideal é não adoçar e nem acrescentar nada mais à bebida.

Caso esteja com problemas bucais ou respiratórios, tome de 3 a 4 vezes por dia. Já se estiver com problemas gastrointestinais, tome de 2 a 3 vezes por dia.

Quais são as contraindicações?

Ao mesmo tempo, essa bebida tem contraindicações sérias que não podem ser ignoradas. Gestantes e lactantes não podem ingerir a bebida, de modo a não prejudicar a saúde do bebê.

Quem tem alergias mais graves, especialmente ao pólen, não deve consumir o chá, especialmente se feito com as sementes. A consequência pode ser um grave choque anafilático que, em última análise, pode levar à morte.

Além disso, quem tem problemas de coração também deve evitar a bebida. Ela pode provocar ataques cardíacos em pessoas mais sensíveis. De qualquer forma, é sempre melhor perguntar ao seu médico antes de fazer a ingestão dessa bebida.

O chá de tanchagem é especialmente útil para tratar infecções, problemas de cicatrização e até mesmo picadas de alguns animais. Porém, suas contraindicações têm que ser observadas e consultar um médico é sempre recomendado.

Ainda tem dúvidas sobre a bebida? Conte para a gente nos comentários!

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe!

Seus amigos vão adorar! :)