Chá de Malva: Para Que Serve e Como Fazer?

Acredite, uma florzinha chamada Malva pode aliviar muitos sintomas. Está gripadinho, com aquele catarro irritante ou aquela afta dolorida? Ou pior, aquela dor estomacal ou problema urinário? Saiba que soluções caseiras são sempre a melhor opção para quem não quer já recorrer a algo mais invasivo, como um remédio pode ser. O primeiro recurso é o chá, esse é um verdadeiro aliado para muitas coisas, porém é sempre importante saber suas propriedades e para o que realmente é preciso naquele momento.

O que é Malva?

Chá de Malva

Malva é uma planta pertencente à família das Malváceas com nome científico de Malva sylvestris L, com nomes populares de malva-de-botica, malva-selvagem, malva-cheirosa, malva-rosa e muitas outras. É possível encontrá-la na Europa, Ásia e África, porém é bastante conhecida no Brasil por conta de sua facilidade em ornamentação de jardins pelo seu cheiro bom e ótima aparência, podendo ser encontrada em diversas cores, como o violeta, vermelho, amarelo, rosa, branco e preta.

o que é

Por conta dessa matéria, descobri que no jardim de minha avó e de minha vizinha existe flores de Malva, olha como esse remédio potente está tão perto de nós e nem imaginávamos!

Benefícios: Propriedades e Para Que Serve!

benefícios

O chá de Malva tem inúmeros benefícios que fortalecem o corpo como um todo, não é a toa que é populosamente chamada de ‘chá faz-tudo’, e isso só traz sensação de bem estar e auxílio da cura em diversos casos. Vamos conhecê-los:

– Malva para problemas respiratórios

O chá tem efeito expectorante, isso ajuda a quem está com o nariz ou a garganta congestionados e com tosses, auxiliando em gripes, resfriados, bronquites, faringites e sinusites. Para quem quer prevenir, também vale tomar o chá.

para que serve

– Malva para problemas bucais

Usada como gargarejo ou bochecho (com o chá no estado morno a gelado), serve como alívio para aftas, problemas nas gengivas e gargantas, pois tem ação bactericida e desinfetante. Sua utilização deve ser de duas a três vezes por dia.

Chá de Malva

– Malva para problemas estomacais

Seu chá tem efeito anti-inflamatório e faz bem para quem luta com problemas como úlceras, gastrites, azias e refluxos quando ingerido. Além disso, o intestino é outro beneficiado por conta de seu efeito laxativo, regula o funcionamento e elimina as más toxinas e bactérias.

problemas urinarios

– Malva para problemas urinários

Além de tudo que falamos, ser diurética faz parte da planta, que limpa e cuida do trato urinário evitando infecções e cistites. Evita o inchaço por conta dessa eliminação de líquidos retidos pelo corpo.

– Malva para a pele

Se quiser acalmar a pele por mordida, furúnculos ou queimaduras leves, a Malva funciona muitíssimo bem! Basta fazer compressas ou emplastos e aplicar sobre a área afetada, rapidamente a malva elimina a dor do local.

benefícios para saúde

– Malva para envelhecimento precoce

Os radicais livres são combatidos com o efeito antioxidante do chá de Malva, trabalhando para que os sinais de idade demorem a aparecer.

propriedades medicinais

– Malva para seu bicho de estimação

Essa é um bônus: sim, seu animal pode se beneficiar também! Muitos bichinhos gostam de comer folhas ou flores para se livrar de dores estomacais e, se a Malva faz bem nisso para nós, humanos, para os cachorros e gatos serve da mesma forma, aliviando gases e auxiliando na prisão de ventre. Fique de olho: a Malva pode.

Componentes

componentes

Para possuir todos esses benefícios para a saúde, a Malva tem dentro de si:

  • vitamina A, que ajuda no fortalecimento dos ossos e do sistema imunológico;
  • vitaminas B1 e B2, que produz energia e faz o corpo gerar glóbulos vermelhos;
  • vitamina C, que ajuda a combater os radicais livres;
  • flavonoides, composto químico que previne câncer e doenças do coração;
  • mucilagem, substância vegetal reguladora do trato intestinal;
  • carotenos, junto da vitamina C, combate os radicais livres;

Como Fazer o Chá: Receita Passo a Passo

passo a passo

  • Utilize 2 colheres de sopa de malva seca picada em uma xícara e meia de água fervente;
  • Deixe ferver por 10 minutos e aguarde amornar;
  • Já morno, beba de duas a três vezes por dia.

Para preparar o chá ou infusão, utilize flores, folhas e raízes.

Cuidados

principais cuidados

  • Não extrapole a quantidade de xícaras por dia, pois pode ocorrer superdosagem. Sempre consulte seu médico, pois é um tratamento que complementa o que ele passou.
  • Mulheres grávidas ou que estejam amamentando não devem tomar.
  • Quem é diabético deve tomar cuidado, pois a Malva se converte em glicose.
  • Quem possui diarreias crônicas deve evitar por um de seus indicativos é a área digestiva.

Gostou das dicas? Comente!

2 Comments

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe!

Seus amigos vão adorar! :)